A sua Instituição de Ensino está preparada para os Riscos Cibernéticos?

 em Seguro Riscos Digitais

Vamos falar sobre Vazamento de Dados e Sequestro de Rede

 

Sua Instituição já parou para analisar os riscos de ataques cibernéticos aos quais está exposta? Quais prejuízos podem gerar os vazamentos dos dados de seus clientes ou até mesmo o sequestro de sua rede ainda mais com o ensino remoto?

De acordo com o relatório da Kaspersky, em 2020 houve um aumento de 350% no comparativo entre Janeiro e Junho no mesmo período de 2019 de ataques cibernéticos em Instituições de Ensino contra plataformas de e-learning, impedindo o acesso de alunos ao sistema. E quando é avaliado em uma perspectiva mundial, houve um acréscimo de 80% em comparação ao primeiro trimestre do ano de 2019.

E mais, além de ataque e privação da rede ocorridos com as Instituições, houve um aumento de 20.000%  entre Janeiro e Junho de 2020 de usuários atacados por malware disfarçados por aplicativos  de conferência ou até mesmo de ensino remoto.

Com a necessidade de aulas remotas como alternativa das Instituições de Ensino em conectar seus alunos aos conteúdos, foi proporcionado um ambiente muito próspero e livre para os ataques mal-intencionados de todos os lugares do mundo. Um fato que talvez não tenha sido levado em consideração, foi a segurança nos acessos, implantação de sistema de segurança com maior criticidade, deixando o ambiente virtual vulnerável à possíveis ataques, gerando sequestros de rede, vazamentos de dados, entre outras ações que podem conferir grandes transtornos, prejuízos financeiros e reputacionais.

Com a aprovação da Lei LGPD 13.709, de 14 de agosto de 2018, as Instituições se veem em uma posição de adequação de suas práticas de proteção dos dados de seus clientes, desde a forma como são tratados e protegidos até como são devolvidos e excluídos, definitivamente, de seus sistemas. Isso coloca em destaque as formas com as quais a Instituição está se preparando para se precaver de possíveis falhas de segurança em seus sistemas, e de sua responsabilidade civil perante os afetados.

Muitas não estão preparadas para a gestão de riscos, aumentando mais sua vulnerabilidade na contenção de um vazamento ou sequestro de sua rede, para isso, o mercado de seguros trouxe uma alternativa afim de blindar esses riscos.

Com o Seguro para Riscos Cibernéticos, ou comumente conhecido como Riscos Digitais, a Instituição de Ensino conta com uma equipe pronta para agir às Respostas de Incidentes em até 24 Horas. O objetivo é conter qualquer vazamento de dados, restabelecer o acesso da rede e em alguns casos quando são envolvidos vazamentos de dados pessoais e números de cartões de créditos, ainda é realizado um monitoramento de crédito para se certificar quanto a exposição e extensão deste vazamento.

Mas e como fica a imagem e reputação da Instituição de Ensino quando situações como essas, acontecem?

Uma das funções da gestão de Respostas à Incidentes é proporcionar uma relação efetiva com os terceiros afetados, buscando minimizar os impactos gerados pelo incidente, assim como, buscar restaurar a reputação da Instituição.

Ah…e tem mais, a Instituição ainda conta com uma assistência 24 Horas por dia / 365 dias por ano que estará à sua disposição, e ainda, confere serviços exclusivos para facilitar ainda mais o seu dia a dia.

 

Gestor, vamos conversar sobre seus riscos cibernéticos? Este é o momento para avaliar todas as vulnerabilidades do seu sistema e propor alternativa de segurança e o Seguro para Riscos Cibernéticos fará toda a diferença na Gestão dos seus Riscos Digitais.

O levantamento do risco é feito de acordo com a dimensão da exposição e extensão das possíveis falhas, levando em consideração sistemas, redes utilizados, entre outro, isso confere muito mais especificidade ao seu negócio.

 

A Brasan tem uma solução para você e sua Instituição de Ensino!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário